segunda-feira, 12 de novembro de 2007

Ainda Norman Mailer

Nada mais constrangedor do que ver um grande entrevistado ser submetido a um repórter medíocre.
Em compensação nada melhor do que ler um grande repórter escrever sobre um grande entrevistado.
É por isso que recomendo a reportagem de Geneton Moraes Neto sobre Norman Mailer.
É de 2006.
Nela Geneton relata uma palestra do escritor em Nova Iorque.
Norman Mailer vai fazer falta.
Aos 83 anos, pigarreando e já um pouco surdo, vaticinava as agruras do mundo em que vivia com a necessária aspereza que falta hoje em dia às grandes vozes da América.
Sorte nossa que Geneton estava lá para contar.
A reportagem foi, originariamente, publicada na edição de junho de 2006 da revista Continente Multicultural.
E republicada por Geneton em seu blog, com o qual, infelizmente esparsamente, nos brinda com suas excelentes matérias, no dia do falecimento do escritor.
Para ler, acesse geneton.com.br.

Um comentário:

mutantismos disse...

tuff guys don't dance!
adoro norman mailer!
bjos